Accueil

 

FOGO

MELMAN Charles
Date publication : 26/04/2019

 

FOGO

A catedral queima enquanto a Igreja sangra. Suas chamas simbolizam a fogueira na qual se amarra os padres pedófilos ou mais simplesmente aqueles que não os denunciaram.

Há alguns anos revelações sobre as finanças do Vaticano lembraram que o dinheiro pode corromper aqueles mesmos que são encarregados de atribuições santas.

Mas as acusações de pedofilia têm um outro alcance. Inicialmente porque é sabido que as comunidades masculinas são o abrigo ordinário, frequentemente definitivo, contra a homossexualidade. Que alguns cedam a isso, às vezes os melhores, os concerne e não à comunidade à qual eles pertencem. Mesmo se esta tem por regra a indulgência e  o perdão dos pecados.

De sorte que os ataques atuais contra a Igreja visam primeiramente a desacreditar seu partido, inevitavelmente se ela é consequente com ela mesma, contra o aborto, a GPA por vir, o transexualismo, a homossexualidade, etc.

Mas também, e aqui é menos aparente, o objetivo é atingir o próprio sexo, do qual a religião tem sido uma questão espiritual importante, enquanto a corrente atual quer impor isso como um sextoy.

É verdade que o lúdico ocupa uma parte crescente dos investimentos populares, mas se não resta senão o pão a reclamar, o declínio do Urbs provavelmente não está longe.

                                                                                                                                                            

Ch. Melman

 19.04.19

 

Traduction en portugais par Letícia Fonsêca

Espace personnel